Ásia  | 22/02/2015

O deserto de GOBI na Mongólia

A noção do deserto de Gobi visto como um deserto despovoado de dunas de areia foi desenvolvida unicamente nas mentes de alguns poucos românticos. Pelo contrário, o Gobi é muito diverso, com desfiladeiros cheios de gelo, formações rochosas e oásis verde. As dunas cobrem apenas 3% de sua extensão.

Em Tugrigeen Shireh, uma expedição polaco-mongol descobriu dois dinossauros entrelaçados em combate. Outro local famoso pelas suas descobertas é Flaming Cliffs, ou Bayanzang, onde ainda é possível ver os fósseis nas rochas. Khongoryn Els, ou dunas que cantam, é uma paisagem que hipnotiza e uma sensação de estar no jardim de um gigante que todas as manhãs muda as dunas de local. Ekhiingol é um pequeno oásis no sul do deserto. Aqui crescem frutas e verduras para o consumo local. A norte, o Oasis das Cem Árvores é mais árido, mas também fornece água para homens e animais.

Este território é tão misterioso que até mesmo os seus animais são peculiares. Por um lado, o camelo tem duas bossas e um pêlo que parece um casaco tipo que lhe dá um ar distinto. Por outro lado, o urso, único da sua espécie por habitar num local tão árido como um deserto. As gazelas são os únicos animais que se movem rápidamente no deserto.

Talvez o mais fascinante no deserto sejam os seus habitantes, que, apesar do isolamento, são extremamente hospitaleiros e as barreiras linguísticas nunca são um problema.

     
     

Newsletter

El Elefante de SUDAFRICA

Agosto 2017

Enviando formulario...

El servidor ha detectado un error.

Formulario recibido.

+ Veja newsletters anterior

Más noticias

retorno