Que fazer | Bali e Indonésia

 

Ilha de Bali

Bali parece um cenário de terraços de arrozais, vulcões, exuberantes florestas tropicais e praias quentes. A capital da ilha é Denpasar e as praias do Sul são as mais conhecidas: Kuta e a Península de Bukit são as áreas mais populares e Nusa Dua e Sanur são as zonas mais exclusivas. Ubud é o principal centro turístico das montanhas para aqueles que se interessam por arte e tradições, onde podemos visitar a sagrada Floresta os Macacos , o Palacio de Ubud ou a gruta budista de Goa Gajah. Gunung Agung é a montanha mais alta e a mais venerada da ilha, onde encontramos o templo de Pura Besakih, a mãe dos templos balineses. A caverna de Lawah de Goa é habitada por milhares de morcegos. Em Tirta Gangga está o Palácio da Água, rodeada por lindos campos de campos de arroz. Kintamani é uma aldeia de montanha com uma vista espetacular sobre o lago e o vulcão Batur. Singaraja, a principal cidade do norte da ilha, conserva alguns edifícios holandeses e próximo da cidade encontram-se as cascatas de Gitgit e a praia de Lovina. Em Mengwi, encontramos o verdadeiro templo de Taman Ayun. Em Bedugul está o templo Ulun Danu Beratan sob um promontório rodeado pela água do lago. O templo de Tanah Lot, oferece um belo pôr do sol à beira-mar.

 

Ilha de Java

Jacarta é uma cidade com uma longa história, muitos contrastes e uma grande variedade étnica: o distrito de Kota, onde foi formado o bairro holandês, o Lapangan Merdeka, com os monumentos que o Sokarno deixou, o Museu Nacional da Indonésia, um dos mais interessantes no sudeste asiático pela estatuária hindu, o Palácio Presidencial e a enorme Mesquita Istiqlal. O parque de Taman Mini Indonésia Indah tem reproduções de casas tradicionais de 26 províncias. Bogor tem os Jardins Botânicos de Kebun Raya com reputação internacional e o Palácio Presidencial Istana Bogor. Bandung destaca-se pela arquitetura art déco e os belos arredores cujo acesso é feito depois de atravessar a bonita passagem de Puncak e os campos de chá. A área de propriedade de Tangkuban rodeada de vulcões e a zona de Kawah Ratu oferece uma bela paisagem do topo e Kawah Domas com as fumarolas e os lagos de água borbulhante. O Planalto de Dieng situa-se a 2 mil metros de altura com um lindo cenário, alguns templos hindus e budistas, o Lago Telaga Warna, a cratera Kawah Sikidang e a montanha de Sembungan onde podemos assistir a um nascer do sol idílico. Yogyakarta é a alma da ilha, o centro intelectual e artístico e a primeira cidade turística, onde ainda mantêm a maioria das tradições e rituais antigos. No centro está o Kraton, o antigo Palácio dos Sultões, o mercado de aves, o Museu de Sono-Budoyo, com uma rica coleção de arte javanesa, e o mercado Beringharjo. Prambanan é o maior complexo de templos hindús em Java e Borobudur é o colossal templo budista do século IX Century.

 

Ilha de Sumatra

A capital é Medan, mas a ilha é famosa pelos recursos naturais abundantes. Em Bukit Lawang está o centro de reabilitação de orangotangos de Bohorok, que permite ver estes animais em vias de extinção. Danau Toba é uma queda de água gigantesca que está junto ao lago Toba e é um dos lugares mais bonitos de Sumatra. Bukittinggi, que se situa próximo do Canyon de Sianok e está rodeado por vulcões, preserva os vestígios do velho Forte de Kock e permite o acesso às aldeias da montanha diferente e a Danan Maninjau, outro lago de origem vulcânica. As ilhas Mentawai e Pulau Nias são algumas das praias exóticas. Em Sumatra, há uma grande variedade de raças: antigos caçadores de cabeças, canibais Batak, cultura muçulmana Minangkabau e clãs primitivos. Um dos lugares míticos é o vulcão de Krakatau.

 

Ilha de Lombok

É uma ilha formada por praias desertas, paisagens tranquilas dominadas pelo vulcão Rinjani, local sagrado para a aldeia Sask e os balineses. Desde o topo, temos uma paisagem sobre o oceano, o campo e o Lago Segara Anak e o novo cone de Rinjani. Nas encostas mais baixas está a aldeia de Saru e as quedas de água. As melhores praias são: Senggigi e as ilhas Gili, com areias brancas, águas cristalinas e os recifes de coral.

 

Ilhas de Komodo e Rinca

Estas ilhas são conhecidas pelos perigosos e fortes dragões Komodo.

 

Ilha Flores (Nusa Tenggara)

Labuanbajo, que está rodeada por colinas cheias de florestas e milhares de ilhotas, é um dos lugares mais bonitos na Indonésia. Bajawa, também está situada nas montanhas com pequenas e espetaculares aldeias como Bela, Bena e Wogo, Nage. Riung tem belas praias numa reserva marinha cheia de manguezais. Nggelaq e Jopu são conhecidas pelos lindos sarongues ikat e xailes. A vila baleeira de Lamalera oferece a oportunidade de ver barcos encalhados e os homens a fazer arpões. Os lagos tricolor de Kelimutu têm o costume raro de mudar de cor e é a principal atração da ilha.

 

Ilha de Sulawesi

Makassar é o porto principal onde está o Forte de Rotterdam restaurado e o mercado de peixe. A principal atração são as montanhas íngremes de Tana Toraja, aldeias tradicionais, costumes fascinantes e uma paisagem idílica. A povoação de Rantepao atrai multidões com o mercado. Os habitantes da região são o torajas, cultivadores de arroz, criadores de porcos e amantes do búfalo de água, e que preservam as suas cerimónias, locais para o enterro e casas tradicionais. Manado permite descubrir os incríveis recifes de coral de Pulau Bunaken, Manado Tua ou Pulau Siladen. O Parque Nacional de Lore Lindu preserva as plantas exóticas, a vida animal e as várias tribos indígenas que usam roupas e praticam cerimónias tradicionais.

 

Kalimantan (Borneo)

Samarinda é o ponto de partida para navegar o rio em direção a pequenas aldeias como Tanjung Isuy, Muara Muntai, Melak com a floresta de orquídeas, e Iram longa. O Parque de Nacional de Tanjung Puting hospeda uma grande variedade de flora e fauna como os binturongos, orangotangos, macacos, crocodilos e golfinhos. Com o pôr do sol temos que nos aproximar de Pontianak para ver as luzes das casas flutuantes no rio majestoso, experimentar a atmosfera chinesa-indonésia, visitar a Mesquita de Real Mesiyi Abdurrajam e os barcos javaneses e celebes do porto de Pinisi. As praias de Pasir Panjang são ideais e o melhor ponto de partida para o Kapuas.

 

Ilhas Molucas

Milhares de ilhas lendárias, distribuídas no oceano cheias de paisagens tropicais, pássaros exóticos, fortalezas antigas, lindas aldeias e praias para o mergulho. As ilhas mais visitadas são as de Ilhas Banda, Palau Ternate e Palau Ambon.

 

Irian Jaya

Uns dos últimos lugares selvagens do planeta com florestas impenetráveis, manguezais, montanhas, pássaros e animais em abundância, e tem 250 grupos étnicos e 500 línguas e dialetos. A capital é Jayapura, mas os locais mais interessantes são: o vale Baliem, com uma cultura particular, a desconhecida baía Cenderawish, o lago Sentani, que pode ser visitado por barco, e Kota Biak, para a prática de mergulho.